Conselhos para o transporte de ovos fecundados: Guia para aficionados à avicultura.

O transporte de ovos fecundados é uma tarefa que requer cuidado e atenção aos detalhes para assegurar a viabilidade dos embriões. Para os aficionados à avicultura, enviar ou receber ovos fecundados pode ser um desafio, especialmente se não se conta com a experiência ou os recursos dos criadores comerciais. Aqui oferecemos um guia prático para manejar corretamente o resfriamento, armazenamento e tempo de envio desses delicados produtos.

INCUBADORAS

Resfriamento adequado.

Estabilização antes do envio: Antes de embalar os ovos para o envio, é crucial estabilizar sua temperatura. Os ovos devem ser armazenados a uma temperatura constante de cerca de 15°C (59°F). Essa temperatura ajuda a manter o desenvolvimento embrionário em pausa sem causar danos.

Evitar flutuações bruscas: Durante o transporte, as flutuações de temperatura podem ser prejudiciais. É essencial utilizar materiais isolantes e, se possível, pacotes de gel refrigerante que não estejam diretamente em contato com os ovos para manter uma temperatura estável.

Armazenamento correto.

Posição dos ovos: Armazene os ovos com a ponta para baixo. Isso ajuda a manter a gema centralizada e reduz as chances de que o embrião se adira às paredes internas do ovo, o que pode ser fatal.

Umidade controlada: Mantenha uma umidade relativa de 75% no local de armazenamento. Uma umidade inadequada, seja muito alta ou baixa, pode afetar a qualidade da casca e a capacidade do embrião de respirar.

Duração do armazenamento: Idealmente, os ovos fecundados devem ser incubados dentro de 7 dias após a postura. Se o envio for inevitável, não devem ser armazenados por mais de 10 dias, pois o potencial de viabilidade do embrião diminui significativamente com o tempo.

Tempo de envio recomendado.

Escolha o envio mais rápido disponível: Para minimizar o tempo que os ovos passam em trânsito, opte pelo método de envio mais rápido que você puder pagar. Idealmente, o transporte não deve levar mais de 24 a 48 horas.

Embalagem segura: Utilize caixas de papelão resistente com compartimentos individuais para cada ovo. Preencha os espaços vazios com material macio como espuma de poliestireno ou bolhas para evitar que os ovos se movam e se choquem entre si durante o transporte.

Etiquete claramente o pacote: Certifique-se de marcar o pacote com etiquetas de “Frágil” e “Este lado para cima” para informar ao pessoal de manuseio sobre a natureza delicada do conteúdo.

Considerações finais.

Inspecione os ovos na chegada: Uma vez que os ovos cheguem ao seu destino, é importante inspecioná-los imediatamente em busca de rachaduras ou danos e colocá-los em uma incubadora o mais rápido possível.

Ajustes na incubadora: Certifique-se de que a incubadora esteja pré-aquecida à temperatura adequada e com a umidade correta antes de introduzir os ovos.

Transportar ovos fecundados pode ser bem-sucedido se for planejado com cuidado e se forem tomadas as precauções adequadas para proteger esses frágeis começos de vida. Com a devida atenção, os entusiastas da avicultura podem desfrutar do processo de ver pintinhos saudáveis nascerem, mesmo à distância.

  Monitoramento ambiental em granjas avícolas: A solução IoT de Baku